Como o Ano Novo é comemorado na Índia?

4 minutos para ler

Como são as comemorações de Ano Novo por aí? Se você está no Brasil, arriscamos dizer que terá uma ceia com arroz preparado com passas e algumas frutas à mesa, como romã, uva, damasco. Terá também um momento para abrir um espumante e assistir aos fogos de artifício… acertamos?

Bom… esse é um típico Ano Novo no Brasil, mas você consegue imaginar como é essa celebração na Índia? Continua aqui que te contamos tudo sobre como o Ano Novo é comemorado na Índia!

O calendário indiano

Antes de te explicar exatamente como são as comemorações de Ano Novo na Índia, precisamos te falar sobre o calendário indiano. Sim, há um calendário único na Índia, um pouco diferente do calendário que estamos habituados aqui no ocidente.

Apesar de ter entrado em vigor em 1957, a ideia do calendário indiano existe há tempos. Na verdade, mais de 30 tipos de calendários eram contabilizados em toda a Índia, alguns eram usados para fins religiosos. Somente no fim da década de 50 foi criada a Reforma Nacional do Calendário, que unificou todos os variantes existentes.

O calendário indiano é lunissolar, ou seja, baseado nos movimentos da lua e do sol. Ele é bem parecido com o calendário gregoriano (o calendário comum, como conhecemos). São 12 meses, onde o primeiro se chama Chaitra e possui 30 dias em anos normais e 31 dias em anos bissextos. Em seguida, há 5 meses, todos com 31 dias. Os últimos 6 meses do ano têm 30 dias cada.

O ano para eles se inicia em 22 de março (com base em nosso calendário) e em anos bissextos tem início em 21 de março. Os anos são contados para os indianos a partir da Era de Saka, onde o ano 0 para eles pode ser representado pelo ano 78 para o ocidente.

Os meses que compõem o calendário se iniciam na Lua Nova e os seus nomes estão ligados às constelações zodiacais.

É assim que o Ano Novo é comemorado na Índia

Apesar de a maioria dos indianos comemorarem o ano novo “tradicional”, o fato de o povo hindu ter um calendário próprio faz com que as comemorações do novo ano ocorram, geralmente, quando é o fim de outubro, ou início de novembro, quando se encerra o ciclo de 12 meses. Essa variação ocorre devido às próprias particularidades do calendário indiano.

Nesse período, os indianos celebram a marca do início de uma nova fase para todas as vidas. E essa celebração chega por meio de um festival: o Diwali. Que também é conhecido como o Festival das Luzes.

Diwali: a festa das luzes

O Diwali tem origem de uma antiga lenda hindu, que diz como Krishna derrotou o demônio Narakasura. Essa data então se tornou uma das mais importantes para a cultura indiana, pois representa a vitória do bem contra o mal.

O Festival das Luzes recebe este nome pelo costume de acender luzes e enfeitar a cidade com elas… luminárias, velas, pisca-piscas e lâmpadas tomam conta das ruas.

Uma outra simbologia que o Diwali possui é sobre a volta das divindades à terra, onde os deuses são guiados para as casas dos indianos por meio das luzes.

É tradicional os indianos usarem trajes vermelhos de forma elegante, e ainda prepararem uma refeição saborosa e ficar com seus familiares. É comum também ter a troca de presentes nesse período, por isso shoppings e lojas ficam bem cheios.

Ficou com vontade de ir para a Índia durante o Diwali?! Nos acompanhe no Instagram para acompanhar mais sobre essa cultura fascinante. Clique aqui e nos siga, ou busque por @CasaDaIndia por lá.

Você também pode gostar

Um comentário em “Como o Ano Novo é comemorado na Índia?

Deixe um comentário