Música indiana: o ritmo que conquistou a cultura brasileira

5 minutos para ler

É praticamente impossível não pensar na música quando buscamos conhecimento sobre a cultura indiana. O ritmo é composto por vários estilos e melodias distintas. Inclusive, muitos artistas indianos são famosos aqui no Brasil, e fizeram sucesso com suas músicas em novelas e festas em nosso país. Quer conhecer mais sobre a música na Índia? Então continue esta leitura e prepare os ouvidos, vamos te fazer embarcar em uma história repleta de melodias e curiosidades.

História da música indiana

Acredita-se que as origens musicais da Índia sejam tão antigas quanto os próprios Vedas (textos em sânscrito que fazem parte das escrituras sagradas no Hinduísmo). A música indiana se desenvolveu a partir da interação de diversos povos, de diferentes raças e culturas, que povoaram o país ao longo dos séculos.

Os sons eram criados principalmente com foco na religião do país e foram evoluindo à medida que novos recursos instrumentais iam se formando. Foi em meados de 250 a.C. a 600 d.C., com o final do domínio budista e helenista na região, que peças musicais famosas surgiram, como o Brhaddesi e o Sangitaratnakara.

Mas foi por volta do século XIV, com a vigência do Islamismo, que a música árabe incorporou a Índia trazendo novas vibrações e cores aos ritmos.

Um fato curioso é que a música indiana praticamente não tem influência Ocidental, com exceção de alguns instrumentos musicais que foram incorporados aos sons. Diferentemente do próprio Ocidente que tem em suas músicas influências indianas, como o estilo criado pelos Beatles, por exemplo. Os integrantes da banda tinham muita afinidade com esse ritmo musical, e foram papéis fundamentais para a divulgação da música indiana no lado ocidental do mundo.

Estilos de música indiana

A variedade cultural na Índia é enorme, e isso não é diferente quando pensamos em música!

Diversos estilos musicais compõem a música indiana. Desde os clássicos sons, até os hits pop que fazem parte dos musicais de Bollywood.

Música indiana clássica

Como mencionamos acima, a música indiana foi se desenvolvendo a partir da interação de diversos povos e culturas que viveram naquela região. Uma das bases musicais dos sons do país é o sangeet, que diz respeito à união entre voz, instrumento e dança. Esses três elementos estão sempre presentes nas músicas clássicas, sejam aquelas em grupo, ou individuais.

Um fato curioso sobre a música indiana é o sistema melódico, conhecido como Ragas, uma base de 5, 6 ou 7 notas que se relacionam com as estações do ano, as emoções e as castas dos povos indianos. As melodias, com o tempo, foi se integrando à vida dos hindus, desde o nascimento, o casamento até a cremação de seus corpos. 

Música indiana devocional

As raízes da música indiana são encontradas na literatura védica. Os escritos sagrados hindus foram datados há milhares de anos e seus textos, que se assemelham à poesias, eram cantados em ritmos. As danças e os sons descreviam as histórias dos deuses e deusas em suas aventuras.

Powered by Rock Convert

Música indiana pop (a influência de Bollywood)

Bollywood é como é chamado o cinema indiano, o nome é uma mistura entre Bombaim (nome antigo da cidade de Mumbai) e Hollywood.

As produções nascidas em Bollywood são únicas e não somente por suas narrativas, mas também pelos sons. As canções são feitas por cantores profissionais e interpretadas nos filmes por meio das danças. As características das danças de Bollywood são modeladas com base nas danças clássicas indianas. Geralmente, a pessoa que protagoniza o filme interpreta a música junto a um grupo de dançarinos de apoio, que dão maior vida as melodias.

Com a ascensão do cinema indiano um novo ritmo foi surgindo nas melodias indianas: o pop! Nomes como Ravi Shankar e Sheila Chandra são famosos no ocidente, devido aos seus ritmos e influência entre os artistas contemporâneos.

Influência da música indiana na cultura brasileira

As novelas brasileiras já exploram a cultura indiana em diversas narrativas. Figurinos, maquiagens, cenários e sons compõem as histórias. Com toda a certeza a mais marcante para os noveleiros no Brasil foi a novela Caminho das Índias.

Logo na abertura a música Beedi, do cantor e compositor indiano Sukhwinder Singh, traz a vida as imagens que representam várias estátuas indianas, com o Taj Mahal ao fundo.

https://www.youtube.com/watch?v=XLJCtZx5M

Mas nem só as novelas trouxeram o ritmo da música indiana para a nossa cultura. Aqui em Belo Horizonte, lar da Casa da Índia, temos o bloco de Carnaval Pena de Pavão de Krishna.

https://www.youtube.com/watch?v=FjJPoKVjxJA]

O bloco surgiu em 2013 e possui como tema a cultura indiana e o discurso de celebração da natureza.

Quer conhecer mais sobre a cultura indiana? Siga a Casa da Índia no Instagram para aprender cada vez mais, é só clicar aqui para acessar o nosso perfil.

Você também pode gostar